Estou indignada. Este aumento do salario dos parlamentares é a mais absurda falta de respeito com o povo brasileiro. E sei que nao sou  a unica. Segue abaixo um desabafo do amigo e agitador Junior Perim, do qual compartilho muito.

 

 

Pra frente Brasil… rico, próspero e desigual.

As projeções é de que o Brasil, com a camada pré-sal, com o ciclo de desenvolvimento e com mais um monte de outras análises econômicas (não entendo nada de economia, mas esta é a síntese das opiniões dos especialistas), se torne a 5a nação mais rica do planeta. A pergunta que resta é: riqueza para quem?

Sou um entusiasta dos avanços do Estado brasileiro: maior distribuição de renda; avanços das políticas sociais; enfim os governos do Presidente Lula, representaram saltos qualitativos na melhoria geral da condição do povo brasileiro, até hoje percebi as coisas rumando para a redução das diferenças e das desigualdades. Pena não conseguir dormir com a mesma percepção. Depois de um dia exaustivo de trabalho, liguei a tv e me deparei com a notícia de que a Câmara dos Deputados, ops… Câmara não, isso torna muito impessoal a responsabilidade do nefasto gesto de 279 Deputados Federais que, no último dia de votação efetiva da atual legislatura, elevaram os seus salários, dos Senadores, dos Ministros de Estado, do Presidente e do Vice-Presidente da República com aumentos de vão de 61,83 à 148,63%.

O mais ESCROTO desta decisão é que os “digníssimos” 279 picaretas que aprovaram este soco na boca do estômago da combalida e letárgica imensa maioria do povo brasileiro, o fizeram no apagar das luzes e sem qualquer análise de impacto que isso irá causar ao orçamento público. Falo dos orçamentos da União, estados, Distrito Federal e municípios, uma vez que a remuneração de deputados estaduais e vereadores aumentarão em efeito cascata como prevê a legislação feita por eles, para eles e à favor deles, afinal não cabe eles pagar a fatura dos seus devaneios, ou melhor, CRIMES E ASSALTOS DEMOCRÁTICOS E LEGAIS, afinal, eles fizeram tudo dentro da Lei…lembrando que nem tudo que é legal é moral, mas picareta é assim, tem ponta fina pra arrebentar o chão que a gente pisa.

Voltando a questão do ‘impacto’ eles geraram a fatura e a Viúva que se vire para inventar o dinheiro, isso não é um problema a grana pode vir do prometido crescimento econômico ou do contingenciamento das verbas da saúde, educação, cultural, assistência social, dos investimentos, enfim não interessa de onde virá, os picaretas decidiram; vão promulgar a decisão; não cabe veto do(a) Presidente(a); e além de tudo não estamos em Athenas – onde o povo dá soco na cabeça de parlamentares.

Aqui é o Brasil um lugar de uma gente pacata e de uns poucos malucos que ficam achando que artigos e discursos inflamados xingando a quinta geração dos picaretas vai dar em alguma coisa. Não há mais espaço para estes espasmos. Estamos na sociedade moderna e democrática, discursos contra uma decisão destas é coisa de gente que está presa a uma visão “esquerdopata” e equivocada, afinal entre os 279 picaretas estão parlamentares de todos os lados: direitistas; centristas; esquerdistas; socialistas; comunistas… Tem mais, pra quê exigir da Viúva calcular os impacto econômicos de tal decisão? A Viúva é rica e pode ficar cada vez mais e, afinal de contas, o dinheiro tem que ser distribuído e, entre os seus parentes – a elite econômica e política -, não há de ser estranho que a fatia seja mais generosa.

Tem outra coisa a Viúva é super ocupada e deve ter ficado louca depois de cálculos mais complexos que começaram em agosto deste ano para decidir o valor do aumento do mínimo por ocorrer em janeiro de 2011, saltando de R$ 510,00 para R$ 538,15.

Seria SACANAGEM da minha parte ou de qualquer outro brasileiro indignado exigir que a Viúva, depois de meses calculando o aumento do salário mínimo, que vai interferir na vida de milhões de trabalhadores brasileiros, se ocupe de calcular o impacto do aumento salarial de parlamentares e agentes políticos do Poder Executivo que juntos nem dariam traços nos gráficos demográficos de um país com mais de 180 milhões de habitantes. E, levando em conta que a fatia dos beneficiários de aumentos superiores a R$ 10.000,00, é assim tão pequena a Viúva não se sente ameaçada, não vai quebrar, embora tenha quebrado o meu moral e me deixado deprimido, mas quem sou eu? Represento, quantitativamente, o mesmo que representa os agentes políticos frente aos milhões de brasileiros, ou seja, NADA!

Por fim chego a conclusão de que lutar por distribuição de renda é um equívoco, ainda é preciso lutar para mudar o conceito de riqueza das elites brasileiras, que vivem no país do futuro mais refletem como as civilizações feudais.

Bom natal, afinal a estabilidade econômica permitirá há milhões de brasileiros ter um frango assado na mesa e uma garrafa de cidra. Está de bom tamanho, toda esta gente se fosse agraciada com aumento salarial superior a inflação de 5,5% acabaria com pequeno estoque de iguarias que estão nas prateleiras esperando os agentes políticos.

JUNIOR PERIM

um brasileiro deprimido, ou seria, um merda incapaz de barrar a ganância e o roubo da dignidade do povo brasileiro? Agora me sinto os dois!!!

Sobre Aline Satyan

Aline Satyan é formada em Estudos de Mídia pela Universidade Federal Fluminense, mestre em Indústrias Criativas pela Universidade Paris 8 e autora do livro “Produção de Cultura no Brasil: Da Tropicália aos Pontos de Cultura”. Com experiência em políticas culturais e programas de formação para a cultura, trabalhou em diferentes projetos na esfera governamental e universitária. Há alguns anos tem se dedicado a estudar processos de colaboração e atuar como educadora, facilitadora de grupos e consultora de gestão em organizações culturais. Certificou-se em design para sustentabilidade no Programa Gaia Education na ecovila Terra Una (Liberdade, MG) em 2014, Aprofundamento em Dragon Dreaming na Pedra do Sabiá (Itacaré, BA) em 2015 e em Design Permacultural no Instituto Pindorama (Nova Friburgo, RJ) em 2016. É coordenadora do programa Gaia Jovem Serrano, co-fundadora da Cena Tropifágica e da Txai Design de Experiências, e sua principal busca atualmente é por uma vida de consciência, criatividade e em cooperação. Para saber mais: https://www.facebook.com/gaiajovemserrano/ https://www.facebook.com/txaidesigndeexperiencias/ http://www.cenatropifagica.com/

Publicado em 19/12/2010, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: